Gravadora do BTS pede desculpas pelo uso de boné nazista e blusa com foto de bomba

  |   Entretenimento

A gravadora do grupo de K-pop BTS, Big Hit Entertainment, pediu desculpas ao público nesta terça-feira em meio à polêmica que envolve os integrantes da banda, que aparecem em imagens usando um boné com a suástica nazista e uma blusa com a imagem de uma bomba atômica lançada no Japão ao fim da Segunda Guerra Mundial, em 1945. As fotos repercutiram negativamente nas redes sociais.

Uma performance do conjunto sul-coreano chegou a ser cancelada numa TV japonesa na última sexta-feira. E o centro judaico Simon Wiesenthal, que combate o anti-semitismo e tem sede nos Estados Unidos, emitiu uma nota de repúdio à atitude do BTS no domingo.

A gravadora disse não tolerar qualquer uso de itens relacionados às bombas atômicas, que causem sofrimento ou dor, por integrantes do BTS ou outros artistas associados à empresa.

Ainda segundo a gravadora, "o incidente não foi de forma intencional". "A Big Hit não apoia organizações ou grupos orientados ao extremismo político e crenças totalitárias incluindo o nazismo."

Uma carta foi entregue ao centro judaico, oferecendo "explicações e desculpas". A Big Hit também contatou associações no Japão e na Coreia do Sul que representam pessoas afetadas pelas bombas atômicas.

Leia a matéria completa: http://v.duta.us/XnRaswAA

📲 Get Entretenimento on Whatsapp 💬