Torcida da Portuguesa se revolta com abandono, faz campanha e reforma o Canindé com doações

  |   Football

Os torcedores da Portuguesa têm se deparado com cenas de abandono. Na disputa da Série A2 do Campeonato Paulista, o clube quase teve problemas em partidas durante a noite, já que os refletores contavam com diversas lâmpadas queimadas.

Os banheiros estão sujos. As cabines de imprensa, com goteiras. O fosso precisando de limpeza. Uma reportagem que apontava a deterioração do Canindé mexeu com a torcida, que nos últimos anos convive com o risco de perder o estádio em leilão.

"A gente estava vendo o estádio abandonado, largado, e aquela reportagem foi a gota d’água. Em vez de ficar revoltado com a reportagem, como muitos, eu vi que realmente estava inviável. Eu vi o Canindé nascer, então resolvi correr atrás", conta o torcedor da Lusa Artur Cabreira Gomes.

Foi aí que o torcedor de 61 anos reuniu outros vários lusitanos e iniciou uma campanha colaborativa. Tudo começou em grupos de WhatsApp. Em pouco tempo, ele já havia conseguido a doação gratuita de 31 lâmpadas de refletores e de 15 reatores.

Concluída a troca nas torres, foi a vez de limpar e pintar as paredes em torno do fosso. O mesmo método foi adotado para comprar tinta para a pintura dos alambrados. O grupo foi crescendo, assim como as metas. Agora, as arquibancadas começam a ser pintadas.

A diretoria da Portuguesa não deu qualquer apoio à iniciativa, mas também não impôs nenhuma dificuldade ao grupo. A alegação é de que o clube não tem condições financeiras de promover esse processo de revitalização do estádio do Canindé.

O grupo, que presta contas publicamente das doações e dos gastos, reconhece que esse não é o método ideal e que o clube precisa se tornar profissional. No entanto, os torcedores cansaram de esperar iniciativas da diretoria e ver o clube se deteriorar a cada dia. É uma ação de emergência e de amor à Portuguesa.

Leia a matéria completa: http://v.duta.us/mrSKWgEA

📲 Get LIVE Football & Football News on Whatsapp 💬