Áudio em que Argel critica atletas e contratações do CSA vaza, viraliza e causa impacto no clube

  |   Football

No dia 16 de agosto, um grupo de torcedores do CSA foi ao CT do Mutange. O tom era de cobrança. A diretoria foi avisada com antecedência que haveria uma manifestação, fechou o treino e aceitou que o grupo entrasse no clube. Os torcedores conversaram com o técnico Argel Fucks, o diretor executivo de futebol, Fabiano Melo, e alguns jogadores.

No encontro, Argel reclamou da política de contratações, criticou o trabalho do ex-técnico Marcelo Cabo e citou até os nomes de alguns jogadores que estavam abaixo do que ele exige para um elenco de Série A. Sobrou para Julian Benítez (ex-Olimpia-PAR), Robinho (ex-Fluminense) e Madson (ex-Vasco).

O áudio da conversa foi vazado hoje nas redes sociais e viralizou. Numa das falas mais fortes, Argel foi incisivo: "O Campeonato Brasileiro é difícil, o salário em dia é obrigação. Eu sei que vocês se acostumaram a ganhar, vocês saíram da Série D, subiram pra C, subiram B, só que a Série A é outro nível. É outro nível, gente. Foi feita muita coisa errada por aqui, se contratou muito jogador cabeça de bagre. Quando a gente veio pra cá, a gente sabia que era difícil, agora ninguém se entregou, não. Eu não sou cara de me entregar. Eu trabalho pra c.... todo dia aqui, por falta de trabalho que não é. Ah, os caras estão correndo, os caras tão correndo pra c..., o que falta é qualidade pro nosso time".

"Dos jogadores que estavam aqui, o seu Benitez não tem condição nenhuma de jogar na Série A. Nem o baba que nós fizemos aqui, só dos velhos, ele consegue jogar. Não tem condição. Como Robinho não tem, como seu Madson não tem, vocês tão vendo. Então, na montagem do grupo no começo foi errado, essa é a verdade", disse Argel.

Leia a matéria completa - http://v.duta.us/118WJwAA

Foto - http://v.duta.us/_XydiQAA

📲 Get Football on Whatsapp 💬